Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Bolas de Berlim... sem creme

Um blogue que não é de culinária (apesar de ter algumas receitas)

Bolas de Berlim... sem creme

Um blogue que não é de culinária (apesar de ter algumas receitas)

Que não seja por falta de tentativas


Uma pessoa quer ser ecológica e amiga do ambiente. Uma pessoa quer diminuir a sua pegada ecológica e faz um investimento razoável em fraldas reutilizáveis. Uma pessoa usa-as durante algum tempo na bebé, mas acaba por se desiludir porque as ditas, afinal, não são assim tão absorventes quanto apregoam. Uma pessoa irrita-se com o número de vezes que tem de trocar a roupa à criança e, consequentemente, com a quantidade de roupa suja que tem de lavar. Uma pessoa aborrece-se porque no inverno nem roupa nem fraldas secam com a rapidez desejada. Uma pessoa um dia passa-se, arruma com as reutilizáveis a um canto e nunca mais quer pensar no assunto.
Uma pessoa tem outro bebé e pensa, pronto, é desta que a coisa vai dar certo, devo ter feito algo mal da outra vez, vamos lá tentar de novo. Uma pessoa fala com outras pessoas que dizem "não percebo porque é que não te deste bem com as fraldas, eu cá NUNCA comprei fraldas de plástico!", pesquisa na internet e compra um detergente especial para fraldas de pano e tudo, manda vir pela net e tudo, lava as fraldas todinhas com o dito e tudo porque diz que as torna mais absorventes e tudo e tudo. E nada.
Uma pessoa usa as fraldas uma segunda vez, vezes suficientes para perceber que continua a não ter confiança para sair com elas postas na criança à rua. Uma pessoa decide usá-las só em casa, durante  o dia, menos durante a sesta, porque enfim. Uma pessoa pensa que assim não pode ser, mas insiste. Uma pessoa usa e lava as fraldas vezes suficientes para saber que o tal detergente é uma grande tanga e que as parvas pouco mais de uma hora aguentam sem molhar a roupa. Uma pessoa chateia-se com o número de vezes que tem de trocar a roupa à criança e, consequentemente, com a quantidade de roupa suja que tem de lavar. Uma pessoa aborrece-se porque no inverno nem roupa nem fraldas secam com a rapidez desejada. Uma pessoa um dia passa-se e decide vender/dar/deitar fora as reutilizáveis e nunca mais quer pensar no assunto.
Uma pessoa decide remeter-se à separação do lixo doméstico e pronto.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.